Overview

A candidíase é uma infeção provocada pelo fungo – Candida sp.
Todas as mulheres possuem este fungo, em pequena quantidade. No entanto, quando existe alguma perturbação das bactérias protetoras, por exemplo por alterações hormonais ou toma de antibióticos, ocorre um crescimento dos fungos existentes que origina infeção. A candidíase não é uma infeção sexualmente transmissível.

Considera-se candidíase recorrente quando se desenvolvem  quatro ou mais episódios sintomáticos por ano. Estes últimos estão frequentemente associados a fatores de risco como diabetes, deficiência no sistema imunitário, uso frequente de antibióticos ou de corticoides.

Prevalência

Cerca de 75% das mulheres terão ao longo da sua vida, pelo menos, um episódio de candidíase e 40 a 45% terão dois ou mais. (1)

Sinais e sintomas

A candidíase manifesta-se pela presença de corrimento vaginal branco, grumoso e espesso, sem cheiro. Normalmente provoca ardor e comichão.

Tratamento

Perante estes sintomas procure o seu médico. Poderá ser necessário o recurso a antifúngicos orais ou intravaginais.

Se está ou pensa estar grávida, procure o seu médico ginecologista uma vez que as preparações orais antifúngicas não podem ser usadas durante a gravidez.

(1) Revisão dos consensos em infeções vulvovaginais, SPG, 2012